Retorno ao trabalho de pessoas com lesão cerebral adquirida e doença oncológica

Novos serviços CRPG

No âmbito dos serviços de reabilitação e reintegração na vida ativa e profissional, o CRPG desenvolveu novas respostas para pessoas com lesão cerebral adquirida e com doença oncológica. Dirigem-se a pessoas com alterações na funcionalidade de grau moderado, visando um mais rápido/ bem-sucedido retorno ao trabalho ou a reconversão profissional.

Sabe-se que o impacto da lesão cerebral adquirida (resultante de Acidente Vascular Cerebral, Traumatismo Crânio-Encefálico, infeção ou tumor), mesmo que em grau moderado, pode-se fazer sentir nos vários domínios do funcionamento humano. São frequentes as queixas de esquecimento, dificuldade em concentrar-se, impulsividade ou apatia, sentimentos de ansiedade, frustração, tristeza, receio ou insegurança face ao futuro.

Tal como na lesão cerebral adquirida, após doença oncológica, as pessoas podem vivenciar várias alterações a nível físico, cognitivo, familiar, social, psicológico e profissional. Os impactos podem ser múltiplos e variar em função do tipo de cancro e de pessoa para pessoa. Dificuldades de atenção, memória e planeamento das atividades do dia a dia, ansiedade, receio de agravamento da doença ou recidiva e dúvidas sobre a vida profissional são algumas das preocupações manifestadas.

Estas alterações, decorrentes da lesão cerebral ou da doença oncológica, são frequentemente incapacitantes para o retorno à atividade profissional, carecendo de uma resposta que é, à data, inexistente noutros contextos de reabilitação e reintegração socioprofissional. É por este motivo que o CRPG lança agora estas duas respostas de reabilitação holística focada no funcionamento cognitivo, emocional e comportamental:

  • Retorno ao trabalho após lesão cerebral adquirida
  • Retorno ao trabalho após doença oncológica

Ambas são destinadas a pessoas em idade ativa, desempregadas ou empregadas, e que experienciem limitações significativas num ou vários domínios da vida, necessitando de apoio especializado no âmbito da reabilitação profissional.

Nas duas respostas, a intervenção é efetuada em grupo, beneficiando da partilha entre pessoas que estão a passar pelas mesmas experiências, e complementada por um acompanhamento individual efetuado pelo gestor de caso de cada pessoa.

Estas respostas são implementadas por equipa multidisciplinar, composta por formadores com competências nas áreas da psicologia, fisioterapia e terapia ocupacional. Ocorrem em regime presencial, nas instalações do CRPG, com a duração de 150 horas (2 meses aproximadamente), a tempo parcial.

Estas novas respostas reforçam a intervenção do CRPG dirigida a pessoas com deficiências e incapacidades decorrentes de doenças e acidentes, que conta já com programas de intervenção mais intensivos há vários anos, dirigidos a pessoas que necessitam de uma intervenção mais longa (aproximadamente 5 meses) e intensiva (diária).

Informação mais detalhada sobre estes serviços:

Retorno ao trabalho após lesão cerebral adquirida

Artigo Reabilitação neuropsicológica de pessoas com lesão cerebral adquirida para a vida ativa e profissional – Intervenções

Folheto informativo

Retorno ao trabalho após doença oncológica

Artigo Retorno ao trabalho após doença oncológica – Intervenção de reabilitação profissional

Folheto informativo

Artigos relacionados

Privacy Preferences
When you visit our website, it may store information through your browser from specific services, usually in form of cookies. Here you can change your privacy preferences. Please note that blocking some types of cookies may impact your experience on our website and the services we offer.