FORTE – Formação, trabalho e emprego

Novo percurso de formação em alternância – competências pessoais e sociais

Ao longo dos vários anos de articulação do CRPG com o mercado de trabalho, os empregadores têm sistematicamente mencionado a relevância das competências pessoais e sociais dos seus colaboradores. Particularmente em funções profissionais menos exigentes em termos de qualificação de entrada, é frequente referirem que, no contexto das entidades, será fácil ensinar um novo colaborador a usar uma determinada máquina ou ferramenta, mas que é muito mais complexo promover competências de relacionamento interpessoal, estilos de comunicação adequados, como exemplos de competências que valorizam.

Por parte das pessoas com diversidade funcional associada a deficiências e incapacidades que o CRPG apoia, verificou-se também o interesse por respostas formativas muito orientadas para o mercado de trabalho, que permitam uma forte articulação com as entidades empregadoras, que preparem as pessoas para atividades profissionais mais transversais, sem exigência de qualificação específica.

De modo a responder a estas duas necessidades convergentes, o CRPG desenvolveu o referencial de formação FORTE – Formação, Trabalho e Emprego que:

  • visa a promoção de competências pessoais e sociais, incluindo competências digitais;
  • aposta na transferência direta dessas competências para o mercado de trabalho, em duas etapas de Formação Prática em Contexto de Trabalho (vulgo “estágio”) em entidades empregadoras;
  • capacita para o desempenho de funções profissionais de apoio a outros profissionais, que não exijam conhecimentos técnicos especializados;
  • tem duração de 1 200 horas (das quais 800 horas são de Formação Prática em Contexto de Trabalho);
  • confere certificado de formação.

É um percurso de formação individualizado, a iniciar em novembro de 2020, dirigido a pessoas com diversidade funcional associada a deficiências e incapacidades que, pelo seu perfil de funcionalidade, veem condicionado o acesso a formações qualificantes.

 

Esquema que representa as 4 etapas da formação FORTE. Fase 1 - formação em centro que integra as unidades de formação: Identidade e integração pessoal; Emoção e criatividade; Comunicação com arte; Oficinas de projetos. Esta fase tem a duração de 250 horas. 2.ª Fase - Formação Prática em Contexto de Trabalho, com total de 275 horas. 3ª Fase - Formação em Centro que integra as unidades de formação: Oficinas de projetos profissionais; Laboratório para a mudança; Participação social ativa, num total de 150 horas. 4ª Fase - Formação Prática em Contexto de Trabalho, com total de 525 horas
4 etapas da formação FORTE

 

Com esta alternância pretende-se apoiar, de modo mais consistente e sistemático, a transferência das competências desenvolvidas durante a fase de formação em Centro para os contextos reais de trabalho, podendo ainda intervir de modo intensivo e com o contributo dos pares na resolução de problemas ou no desenvolvimento de competências que venham a ser identificados, em contexto real, como áreas de melhoria.

Para mais informações, contacte-nos através do endereço de email clientes@crpg.pt.

 

 

Artigos relacionados

Privacy Preferences
When you visit our website, it may store information through your browser from specific services, usually in form of cookies. Here you can change your privacy preferences. Please note that blocking some types of cookies may impact your experience on our website and the services we offer.