Atenção: o que é, que tipos de atenção existem e como a estimular

Seja pelo avançar da idade, seja como consequência de acidentes ou doenças, ou mesmos dos seus tratamentos, a atenção é por vezes afetada. Saber o que é e como a estimular poderá ajudar a melhorar o desempenho no quotidiano e na vida profissional.
Imagem virtual de hemisfério cerebral a ser tocado por um dedo

 

A atenção é uma função cognitiva que nos permite focar e manter o interesse num determinado estímulo ou tarefa, ou seja, a atenção envolve uma resposta seletiva.

A atenção é influenciada pelas nossas necessidades. Por exemplo, se alguém está a pensar em comprar um carro, prestará mais atenção aos carros que vê nas ruas, aos anúncios e às conversas sobre esse assunto.

 

Que tipos de atenção existem?

Existem 4 tipos de atenção: sustentada; seletiva; dividida; alternada.

 

Atenção sustentada

É o nível mais básico da atenção. Consiste em manter a concentração por um longo período de tempo.

Quando a usamos?

  • A ouvir uma pessoa a falar.
  • A assistir a um filme ou programa de televisão.
  • A conduzir numa longa viagem.
  • A ler um livro ou o jornal.

 

Atenção seletiva

Consiste em estar focado numa determinada tarefa e ignorar tudo aquilo que nos possa distrair do que estamos a fazer.

Quando a usamos?

  • A ouvir um amigo falar num restaurante que tenha muito barulho de fundo.
  • A encontrar a marca correta de café na prateleira do supermercado.
  • A realizar uma tarefa enquanto tentamos ignorar o que estamos a sentir/pensar (por exemplo, “não sou capaz” ou “não tenho tempo suficiente”).

 

Atenção dividida

Consiste em focar a atenção em mais do que uma tarefa ao mesmo tempo.

Quando a usamos?

  • Andar e falar ao mesmo tempo.
  • A beber café enquanto passeia pela rua.
  • Conduzir ou trabalhar, enquanto se ouve música no rádio.

 

Atenção alternada

Consiste em mover a atenção de uma tarefa para a outra quando é necessário. A atenção alternada e a atenção dividida são os níveis superiores da atenção.

Quando a usamos?

  • A preparar uma refeição complexa, alternando, por exemplo, a atenção do frango que estamos a assar no forno, para o arroz que estamos a cozer no fogão.
  • A ler um livro enquanto tomamos conta de uma criança que está ao pé do mar.
  • Ao interromper o trabalho no computador para atender uma chamada.

 

como estimular a atenção?

Feixe de atenção: o feixe de luz da lanterna ilumina o objeto que estamos a apontar, enquanto deixa o resto do espaço na escuridão. Podemos pensar na nossa atenção como sendo o feixe de luz da lanterna. Por vezes precisamos de mover a nossa atenção de local para local, tal como uma lanterna pode iluminar diferentes cantos do espaço.

Farol: os seus olhos são como as luzes dentro do topo do farol, abrangendo todo o caminho da esquerda para a direita do horizonte. Alinhe a ponta do queixo com o topo do ombro direito, depois mova a cabeça lentamente à volta para que o queixo se alinhe com o topo do ombro esquerdo.

Reduzir distrações externas: reduzir o barulho de fundo (desligar a televisão, colocar o telemóvel em silêncio); completar tarefas importantes ou difíceis num local o mais silencioso possível; reduzir distrações visuais (tente não se sentar em frente a uma janela; tenha uma mesa de trabalho limpa e organizada); certificar que a luz no espaço de trabalho é adequada.

Reduzir distrações internas: aprender a lidar com pensamentos, sentimentos e sensações intrusivos, e programar uma hora do dia ou um momento na semana em que lhes dá atenção.

Mindfulness: utilizar áudios para prática individual diária; práticas informais (a comer, no banho, a caminhar…).

Gerir dificuldades de atenção visual: colocar objetos ou outros alvos em sítios estratégicos para “chamar a sua atenção”; durante a leitura, usar o dedo, uma régua ou um marcador para ajudar a voltar ao início da linha; utilizar pontos de referência, GPS, mapas e letreiros para encontrar o caminho, em vez de contar apenas com o seu sentido de orientação.

Artigos relacionados

Privacy Preferences
When you visit our website, it may store information through your browser from specific services, usually in form of cookies. Here you can change your privacy preferences. Please note that blocking some types of cookies may impact your experience on our website and the services we offer.